Obras para ETA de Sabié arrancam em Outubro

Uma das obras mais importantes para o melhoramento do abastecimento de água à região do Grande Maputo começa a sair do papel depois de “dois anos de um longo processo de licitação”. O FIPAG e a China Henan International Cooperation (CHICO), empresa chinesa de construções, assinaram na quinta-feira, 13 de Setembro, o contrato para construção da Estação de Tratamento de Água de Sabié, em Moamba.


IMG 3710O contrato assinado pelo Director Geral, Pedro Paulino e Han Chaojie, representante do empreiteiro, está orçado em cerca de 2 mil milhões de meticais, e é financiado pelo Governo de Moçambique e o Banco Mundial.

As obras terão uma duração de 20 meses. Prevê-se que após a conclusão dos trabalhos, captada a água da barragem de Corumana para a ETA, seja tratada e posteriormente bombeada para um tanque de controle em Pessene, também a ser construído, a fim de fornecer o precioso liquido à Grande Maputo, além das populações de Sabié, Moamba, Pessene e norte de Maputo.

Com o fim da obra, um dos impactos esperados é o do aumento da disponibilidade da água tratada em 70 mil metros cúbicos por dia, para além do incremento da população servida em mais de 650 mil, sendo que posteriormente, em 2025, projecta-se ter mais de um milhão de pessoas cobertas.


A melhoria das condições de saúde pública, bem como o impulso da economia na região do Grande Maputo, são os outros ganhos deste contrato que permitirá a criação de 450 postos de emprego à população local.

 

segunda, 17 setembro 2018 13:58